A Primeira ... Açorda de Tomate com Figos e Uvas

Em jeito de inauguração, o blogue "Pão com Chocolate" começa com a receita que me levou a este mundo da partilhas culinárias...
Desde que me conheço como gente, que o gosto pela cozinha cá esta... acho mesmo que já nasci com um tacho e uma colher de pau na mão! :)
Há uns dois anos atrás, estava a preparar, como (quase) sempre, o almoço para a família e ao mesmo tempo ia passando uma vista de olhos pelo jornal que estava por perto...
Deparo-me com uma publicidade ...  "A melhor receita de Portugal pode ser a sua...", ora tá visto que me despertou a atenção...
Nunca antes tinha participado em qualquer espécie de concurso, mas este pareceu-me interessante, pois dizia respeito a receitas tradicionais portuguesas...
O almocinho que estava em preparação era nada mais que uma açorda tipicamente alentejana... não podia deixar passar... é mesmo isto! vou tirar uma fotos e enviar...
O tempo passou e nunca mais me lembrei de tal assunto...
O certo é, que com uma receita apenas, lá fui, em direção a um mundo até então desconhecido, e entre os cerca de 500 concorrentes, fiquei nos 3 vencedores da categoria de sopas e entradas, e entre os 12 finalistas... com direito até, a cozinhar em direto na TV!!!
Foi uma experiência fantástica, que me levou a entretanto repetir ... mas essa aventura fica para um próximo post...

Bons cozinhados! :)

Açorda de Tomate com Figos e Uvas

Ingredientes (serve 4):
  • 4 a 5 c.s de Azeite Alentejano extra-virgem
  • 2 cebolas médias
  • 5 dentes de alho
  • 1 folha de louro
  • 1 kg de tomate rosa bem maduro
  • 4 ovos
  • 1 Chouriço de carne alentejano (de Porco Preto)
  • 8 tirinhas de Toucinho de porco preto em salmoura
  • Água
  • Sal q.b.
  • Óregãos em haste q.b.
  • 1 pão alentejano duro (pequeno  ± 400g)
  • ± 1kg de Figos verdes, "pingo-mel"
  • ± 0,5kg de Uvas pretas
Método:
  • Descasca-se as cebolas, cortam-se ao meio e fatiam-se em rodelas finas;
  • Pica-se os dentes de alho;
  • Num tacho, levam-se ao lume com o azeite e a folha de louro até amolecer, sem refugar;
  • Limpa-se o tomate de peles e sementes e corta-se em pedacinhos. Junta-se ao tacho;
  • Deixar cozinhar até reduzir grande parte dos líquidos e tirar a acidez do tomate (cerca de 30 min.);
  • Entretanto descascam-se os figos (ou lavam-se bem e golpeiam-se em quartos, com a casca) e lavam-se as uvas. Reserva-se no frigorífico. Devem estar bem fresquinhos.
  • Tempera-se de sal (com cuidado, pois o pão e os enchidos também contém sal) e acrescenta-se a água a ferver (a quantidade deve ser ajustada consoante a quantidade de caldo que se pretende e a base do tomate);
  • Ferve mais um pouco, e escalfam-se os ovos no caldo;
  • Enquanto os ovos cozinham, numa frigideira anti-aderente frita-se o toucinho. Reserva-se o toucinho e elimina-se a gordura na frigideira, e de seguida frita-se a linguiça às rodelas.
  • Retiram-se os ovos, e junta-se ao caldo, já fora do lume, os óregãos.
  • Numa taça, corta-se o pão às fatias pequenas e finas, deita-se o caldo por cima.
  • Serve-se acompanhado dos ovos, dos enchidos, dos figos e das uvas.
Bom Apetite!
Se gostou, e quer guardar ou imprimir, clique no botão "Print" no final do post.
Obrigada!




1 comentário:

  1. Muito interessante!
    Um bom início de projeto.
    Felicidades.
    Bjs

    ResponderEliminar

Deixe por favor a sua opinião! Obrigada pela visita! Volte sempre.